Contabilidade: mal necessário ou fonte de informações?

Contadores analisando gráficos e desempenho

A Contabilidade como aliada na tomada de decisão.

Entenda melhor o papel da contabilidade nas empresas nos dias de hoje.

O surgimento da contabilidade é tão antigo quanto a história da civilização e remonta à necessidade humana de controle de bens e, posteriormente, como ferramenta de controle sobre as operações comerciais que emergiam junto com outros aspectos da vida social. Por exemplo, registros apontam escritas contábeis egípcias datadas de 2000 a.C.

Porém, por volta do ano de 1500,  o monge franciscano e matemático italiano Luca Pacioli criou o método das partidas dobradas que rege a contabilidade até os dias de hoje.

Essa pequena introdução torna-se essencial para ressaltar como a contabilidade foi desenvolvida e aplicada justamente visando a atender a necessidade a qual uma sociedade em desenvolvimento tinha para controlar as posses e operações comerciais.

Com o passar dos anos e com o aumento da complexidade das transações, a contabilidade passou a ser, além de ferramenta de controle sobre o patrimônio, a principal fonte para o cálculo de impostos, taxas e tributos.

E é nesse aspecto que focaremos. O Brasil, com seus 92 impostos, taxas e contribuições vigentes, tem o sistema tributário mais complexo do mundo e nesse contexto, a contabilidade passou a ser vista como um mal necessário, já que ela é a base para a apuração e fiscalização de todo esse sistema. Diante desse cenário, a principal função da contabilidade passou a ser apurar e pagar os impostos, preferencialmente o mínimo possível.

Dessa forma, a principal finalidade da contabilidade  e para o que ela foi inicialmente concebida, que é o controle patrimonial, econômico e financeiro, ficou relegada a um segundo plano para muitas empresas.

O fato é que ao estigmatizar as informações contábeis apenas aos aspectos tributários e fiscais, a administração está desprezando o acesso a informações preciosas para a gestão de seu negócio.

Em uma época de constantes e profundas mudanças, ter informações rápidas, confiáveis e disponíveis através da contabilidade é como ter um GPS que pode indicar a melhor direção a ser seguida. Porém, infelizmente, muitas empresas, desde micro até médio e grande porte, estão navegando às cegas e tomando decisões, muitas vezes, baseadas em informações imprecisas ou tardias, mesmo possuindo um GPS em suas mãos.

Todavia, a geração de informações confiáveis e tempestivas passa, obrigatoriamente, por um sistema de controles internos eficiente e eficaz. Além de minimizar os riscos de fraudes, um bom sistema de controles internos permite a geração de informações confiáveis e tempestivas, auxiliando à alta administração na tomada de decisões mais assertivas, contribuindo de forma significativa para o crescimento de seus negócios.

Com uma equipe formada por profissionais altamente capacitados, a Berkan conta com conhecimento e  experiência necessária para implantar, revisar ou auditar os controles internos de sua empresa, oferecendo soluções personalizadas e eficientes para cada caso.

Procure-nos que teremos o maior prazer em atendê-los.

Compartilhe:
m
Sistema de Gestão de Terceiros
Controle total dos processos de terceiros, contratos e projetos.
Sistema de Gestão de Pessoas
× CONVERSE CONOSCO